Glossário

ACIDEZ - Condição do suporte em que a a concentrçaão de´´ions de hidrogénio excede a de íons de hidroxil numa solução aquosa.

ACIDEZ DO PAPEL - Condição do papel produzido da madeira que contém lignina e resíduos dos ácidos empregados no clareamento das fibras de celulose e resíduos dos ácidos empregados no clareamento das fibras de celulose e resíduos dos pontos usados no encolamento, no processo da sua fabricação. Não são apensas os resíduos de fabricação que tornam o papel ácido. As tintas ácidas também emprestam acidez ao papel, bem como a poeira, a qual, em combinação com a humidade contida na atmosfera, absorve gases poluidores, formando pontos ácidos que dão origem às machas no papel.

ACONDICIONAMENTO - Acto ou efeito de embalar ou guardar documentos de forma apropriada à sua preservação e acesso (protegê-los e a facilitar o seu manuseio).

AGENTES DE DETERIORAÇÃO - Forças físicas directas (choques, vibrações, abrasoes e gravidade); roubo, desvios e vandalismo; fogo; água; pragas; contaminantes; radiações; temperatura incorrecta; humidade relativa incorrecta.

ARMAZENAMENTO - Guarda de documentos em mobiliário ou equipamentos próprios, em áreas que lhes são destinadas.

BROCHURA - Livro feito de costura industrial e capa de papel grosso ou cartolina flexível, colada directamente ao dorso.

CELULOSE - Polímero natural encontrado nos vegetais, é constituído pela polimerização da celobiose, substância branca, fibrosa, usada na fabricação do papel.

CLIMATIZAÇÃO - Processo para se obter, em recinto fechado, por meio de aparelhos, condições ambientais de temperatura e humidade adequadas à boa conservação dos objectos que se encontrem ou à adaptação a novas condições climáticas.

COLA - Material adesivo que, em restauração, deve permitir a reversibilidade do processo de colagem.

CONSERVAÇÃO - Conjunto de procedimentos e medidas destinadas a assegurar a protecção física dos arquivos contra agentes de deterioração.

COSTURA - Pontos que passam internamente pelo meio dos cadernos e se prendem a cordões de segurança externos, de forma a reunir pelos festos todos os cadernos como miolo do livro apto para receber a capa.

DESINFECÇÃO - Processo de destruição ou inibição da actividade de micoorganismos.

DESINFESTAÇÃO - Processo de destruição ou inibição da actividade de insectos.

DETERIORAÇÃO - Envelhecimento gradual de materiais devido a acções diversas, ocasionando a destruição dos mesmos.

DIGITALIZAÇÃO - Processo de conversão de imagens e sons de código analógico para código digital através de dispositivos apropriados, como por exemplo, um scanner. // Reprodução por varredura electrónica e armazenamento em disco óptico ou outro suporte de alta densidade, permitindo a visualização do documetno num computador de alta resolução ou a sua impressão em papel.

ENCADERNAÇÃO - Fixação de folhas, entre capas, por costura ou cola, com o objectivo de mantê-las numa ordem pré-determinada e assegurar a sua protecção.

FUNGICIDA - Substância capaz de destruir ou impedir o desenvolvimento de fungos.

FUNGOS - Organismo conhecido como agende microbiológico de degradação também conhecido como mofo.

HIGIENIZAÇÃO - Retirada, por meio de técnicas apropriadas, de poeira e outros resíduos, com finalidade de preservar os documentos.

HIGROTEMÓGRAFO - Aparelho, que elabora um gráfico no qual se mostra a variância da humidade atmosférica e da temperatura. É muito importante a utlização deste aparelho nas bibliotecas e nos arquivos. Os modelos mais utilizados são em formato de tambor ou cilindro. Estes tipos de modelo permitem colocar em linha os gráficos de períodos de tempo diferentes e ver a evolução do clima no espaço da biblioteca e do arquivo.

LOMBADA - Segmento da capa que adere ao dorso do livro nas encadernações antigas e que é solta nas encadernações modernas.

MICROFILMAGEM - Produção de imagens fotográficas de um documento em formato altamente reduzido.

MIOLO DO LIVRO - É o mesmo que corpo do livro, compreende as folhas costuradas ou coladas em cadernos. MAço dos cadernos do livro.

NEUTRALIZAÇÃO - Eliminação da acidez de um material pelo uso de produto químico alcalino.

PAPEL NEUTRO - Papel não ácido ou ligeiramente alcalino e que, portanto, não se deteriora com facilidade.

pH - Valor tomado para representar o graau de acidez ou alcalinidade de um material.

PLANO DE ARMAZENAMENTO - Esquema das áreas de depósito de um arquivo, por meio do qual se indica a disposição das estantes e outros equipamentos de armazenamento, bem como a utilização actual ou futura do espaço disponível. Também é referido como um plano de ocupação de depósitos.

PLANO DE EMERGÊNCIA - Parte de plano de protecção civil aplicado aos centros de documentação que estabelece medidas preventivas e de emergência em caso de sinistros.

PRESERVAÇÃO - Função arquivística destinada a assegurar as actividades de acondicionamento, armazenamento, conservação e restauração de documentos.

RADIAÇÕES - Luz ultravioleta; causa desintegração, descoloração, escurecimento, amarelamento, e acelera os efeitos da acidez do papel.

RESTAURAÇÃO - É um conjunto de medidas que objectivam a estabilização ou a reversão de danos físicos ou químicos adquiridos pelo documento ao longo do tempo e do uso, intervindo de forma a não comprometer a sua integridade e o seu carácter histórico.

SECAGEM A VÁCUO E CALOR - Método para o tratamento de materiais hiper-hidratados a que a secagem é acelerada com o uso de vácuo e aquecimento.

SECAGEM A VÁCIO E CONGELAMENTO - Método para o tratamento de materiais hiper-hidratados em que a secagem é acelerada com o uso do vácuo e congelamento.

SUPORTE - Material sobre o qual as informações são registadas (papel, disco, fita magnética, filme, pergaminho, etc.).

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License